Panteão Egípcio

De SmitePédia-A enciclopédia brasileira de Smite
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira do panteão egípcio

Obcecada pela vida eterna e pela perpetuação da alma, a religião egípcia fascina pelo seu caráter místico. As pirâmides são o testemunho mais perene dessa busca pela eternidade. O livro dos mortos abre as portas para a transcendência. E o culto dos faraós, materialização do divino, revela o respeito dos egípcios pela autoridade. Em tudo, as forças da natureza mostravam-se soberanas, personificadas como divindades, a começar pelo Sol, símbolo da vida. E ainda havia o Nilo na terra...

No pricípio era o Num, o oceano celestial com sua característica de imobilidade e totalmente estático - a visão do caos na concepção egípcia. Do seu interior emergiu o deus Atum-Ra autogerado. Uma vez imerso no Num, a primeira porção de terra emergiu para acolher o deus. Tal porção de terra era identificada por uma forma piramidal, frequentemente associada a um obelisco. Uma vez sustentado o deus Atum inicia o processo de criação dos deuses, por atos oriundos da fala. Uma vez autogerado, o deus Atum expeliu o deus Shu e cuspiu a deusa Tefnut, estabelecendo a primeira tríade. Shu representava o ar, a atmosfera, entre outros atributos Tefnut representava a umidade do céu. A partir desse ponto, o casal Shu-Tefnut continuou a criação gerando o casal Geb (terra) e Nut (céu). Atum não tomou mais parte na criação, a não ser para gerar, de suas lágrimas, a raça humana.

Em seguida, uma nova fase foi levada a efeito com a geração dos quatro filhos do casal Geb e Nut: Osíris, que se tornaria rei do mundo inferior. Isis, a senhora do trono; Seth, representando as forças caóticas da natureza, e Néftis, a senhora do castelo. Um aspecto importante nessa fase da criação é o papel de Osíris e Seth, que representavam uma certa dualidade de princípios na forma masculina. Assim, temos a terra fértil X terra estéril, o vale do Nilo X o deserto, luz X trevas, ordem X caos. Ísis representa o aspecto materno, a grande maga e consorte de Osíris. Ela é a senhora do trono (trono de Osíris ou do Egito). Néftis é a senhora do castelo ou mansão. Aos nove deuses da criação é agregado Hórus, que representa o faraó ou a própria raça humana. Com o Hórus vivo deixado na terra depois da partida de Atum-Ra para o firmamento e Osíris reinando no mundo inferior, o processo de criação estava estabelecido.

Deuses

Onúris Bastet Geb Ísis Khepri Neith Osíris Rá Serqet Sobek Thoth

Rumores e Menções

Deuses abaixo foram citados em algum momento no jogo mas ainda não estão disponíveis:

  • Apep
  • Horus
  • Menhit
  • Néftis
  • Nut
  • Set

Modo Domination

O antigo mapa do modo Domination era o modo representante do panteão Egípcio, até que o mapa fosse completamente retirado do jogo.

Odisseia

Esta é a lista de itens especiais da Odisseia Egípcia:

  • Aparência de vigia Esfinge.
  • Aparência Rainha do medo, da Serqet.
  • Aparência Piraneith, da Neith.

Curiosidades

  • A primeira divindade Egípcia a aparecer na tela de login e inaugurar o tema do panteão Egípcio foi Neith.
  • O tema egípcio começa com as mesmas notas do tema grego/romano.
  • Osíris foi o primeiro deus onde foi usado o tema de halloween.

Temas